Fundos em Bitcoin no Brasil já acumulam mais de R$ 322 milhões em investimento

Em meio à crise econômica, os fundos de criptoativos se mostram opções reais de investimento e proteção. A evolução da regulação e a profissionalização do mercado provocaram o surgimento de nove fundos em quatro gestoras no mercado brasileiro. A QR Asset Management fez um levantamento do perfil e informações de cada um deles de acordo com dados disponíveis na CVM.

Segundo a QR Asset Management, chegou a mais de R$ 80 milhões de ativos sob gestão.

Assim, a gestora do grupo QR Capital habilitada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e Anbima, tornou-se neste semestre a gestora com maior patrimônio líquido (PL) de criptoativos do Brasil.

Fundos cripto

No primeiro trimestre, a gestora lançou dois fundos com 100% de exposição em criptomoedas: o QR Blockchain Assets, em abril, para investidores qualificados.

O QR Blockchain Assets tem cerca de R$ 3 milhões de PL, aplicação mínima de R$ 10 mil e está disponível nas distribuidoras Guide, Órama, Necton e Warren.

Já o VTR QR Cripto é um master fund que recebe as aplicações dos fundos da Vitreo (100% do Vitreo Criptomoedas e 20% do Vitreo Criptomoedas Light), com aplicação mínima de R$ 5 mil, que acumula PL de mais de R$ 78 milhões.

Para Theodoro Fleury, gestor responsável pelos fundos da QR Asset, a conquista comprova a consolidação do mercado de investimentos em criptoativos e mostra aos investidores que há possibilidade real de diversificação:

“A exposição de 100% do fundo em criptoativos para investidores qualificados é novidade no mercado. Tornou-se uma opção para quem aposta na diversificação amparada por um fundo capaz de gerar rentabilidade integral através da gestão ativa de criptomoedas.”, disse.

O patrimônio líquido total de todas as gestoras em reais e ativos digitais é de, aproximadamente, R$ 322 milhões – deste total, as criptomoedas correspondem a cerca de R$ 244 milhões.

CVM

Isso acontece porque a instrução 555/2014 da CVM limita o quanto cada tipo de investidor pode estar exposto em ativos de renda variável, como criptomoedas.

A limitação faz com que os fundos destinados a investidores de varejo operem num regime de 20% renda variável e 80% renda fixa.

A QR Asset Management, no entanto, obteve junto à CVM autorização para lançar um fundo para investidores qualificados com 100% de exposição em criptoativos.

Assim, os únicos do mercado com essa característica são o QR Blockchain Assets e o VTR QR Cripto.

Confira os dados do portal MaisRetorno sobre os fundos de cripto no Brasil.

 

Fundo No mês No ano 3 meses
VITREO CRIPTOMOEDAS FIC FIM INVES 17,25% 89,63% 47,95%
BLP CRIPTOATIVOS FIM 1,27% 23,10% 7,97%
HASHDEX CRIPTOATIVOS DISCOVERY FIC FIM 1,90% 21,56% 6,99%
BLP CRYPTO ASSETS FIM IE 6,35% 143,22% 47,32%
HASHDEX CRIPTOATIVOS VOYAGER FIM IE 8,92% 119,78% 35,63%
HASHDEX CRIPTOATIVOS EXPLORER FIC FIM 4,06% 44,84% 14,26%
VITREO CRIPTOMOEDAS LIGHT FIC FIM 3,90% 15,92% 9,56%
QR BLOCKCHAIN ASSETS FIM IE 22,32% 46,58% 46,01%
VTR QR CRIPTO FIM IE 17,35% 90,51% 48,02%

%d blogueiros gostam disto:

Nossa Newsletter

Inscreva-se para a nossa newsletter!

[mc4wp_form id="1627"]