Gerenciamento de risco para trading de criptomoedas

Existem várias opções para você aprender a negociar criptomoedas quando se trata de contas demo que são como simuladores para o trader iniciante testar suas estratégias e gerenciamento de risco dentro um ambiente controlado e sem o risco de perder dinheiro.

Todas as grandes plataformas, tais como BitMEX, Binance, Huobi e outras possuem sistemas de teste para traders. A interface parece muito familiar para a plataforma de negociação ao vivo e pode-se negociar com alavancagem de até 100x. Mais importante, no topo da rede de teste, você pode aprender a negociar contratos de criptomoedas colocando limites, mercados e paradas de ordens de mercado. É um verdadeiro parque de diversão para trading.

 Mas o que essas plataformas não ensinam de forma explícita é o gerenciamento de risco, algo fundamental para gerenciamento e alocação de portfólios.

Gerenciamento de riscos

O gerenciamento de riscos é um dos principais conceitos para o sucesso a longo prazo nos mercados financeiros – também é um dos aspectos mais negligenciados ou subestimados da negociação. Mas por que o gerenciamento de riscos é tão importante e como você pode implementá-lo em suas próprias estratégias?

Mesmo o trader mais talentoso, com um olho natural para oportunidades de investimento, ainda pode cometer um erro e explodir sua conta com uma operação ruim, sem um gerenciamento de risco adequado. Não importa se o trader é bom ou experiente, ainda pode vir a sofrer perdas, ninguém está imune. Até os melhores traders do mundo sofrem negociações perdidas – é parte integrante da negociação. É por isso que o gerenciamento de riscos é tão importante para sua negociação.

Basicamente a principal regra é não perca dinheiro

O gerenciamento de dinheiro constitui um elemento crucial de uma estratégia de negociação bem-sucedida. Então, quais elementos compõem um bom gerenciamento do dinheiro? Quais técnicas podem ser usadas controlar seu risco: Observar tamanho da sua posição; assuma várias posições ao mesmo tempo em mercados opostos; não opere o tempo todo; mantenha níveis de Stop Loss ativados, saque o lucro e mantenha o principal.

Dicas importantes

  • Opere no curto prazo (diário e semanal)
  • Siga uma rotina profissional, planeje seus negócios com antecedência, faça um diário de seus negócios
  • Encontre pontos fracos na sua negociação e ajuste de acordo

A busca pelo ponto de equilíbrio

Se o trader tiver uma perda de 50% em seu capital, este precisará realizar negócios que completem os demais 50% para voltar ao ponto de equilíbrio. Por sua vez, se a perda for de apenas 10% – idealmente durante um período de vários meses, não dias ou semanas (o que indicaria um gerenciamento de risco ruim ou talvez azar) – você precisará de apenas um retorno de 11,1% para voltar ao ponto de equilíbrio.

Valorando o Risco

Essa abordagem considera dois montantes diferentes. O primeiro envolve dinheiro que você está disposto a investir em todas as transações. O segundo envolve dinheiro em risco, ou seja, o dinheiro que você perde, caso a negociação falhe.

Digamos que desejamos comprar o BTC com USDT com uma meta de US$ 13.000. Nossos parâmetros seriam:

Tamanho do capital empenhado: US$ 5.000

Risco aceito por trading: 2%

Preço de entrada: US$ 11.500

Stop Loss: US$ 10.500

 A equação de valoração de risco será a seguinte:

A = ((5.000 * 0,02) / (11.500 – 10.500)) * 11.500 = 1.150

Portanto, o valor ideal para investir nesse negócio é de US$ 1.150 ou 23%. No entanto, devido ao nosso Stop Loss, arriscamos apenas 2%, pois ele interromperá a negociação quando atingir o nível determinado.

O primeiro nível envolve dinheiro que você está disposto a investir em todas as transações. O segundo envolve dinheiro em risco, ou seja, o dinheiro que você perde, caso a negociação falhe.

 

%d blogueiros gostam disto:

Nossa Newsletter

Inscreva-se para a nossa newsletter!

[mc4wp_form id="1627"]