Cryptomoeda do Facebook pode ter valor de mercado de US$19 bilhões

A cryptomoeda do Facebook poderia gerar até 19 bilhões de dólares em receita até 2021, escreveu um analista do Barclays (LON:BARC) em uma nota para seus clientes, segundo a CNBC.

“Meramente estabelecer esse fluxo de receita começa a mudar a história para as ações do Facebook NASDAQ:FB) em nossa opinião”, disse Ross Sandler, analista de Internet do Barclays.

A gigante das mídias sociais está trabalhando na criação de uma moeda para pagamentos globais para uso através de seu aplicativo de mensagens WhatsApp. A moeda estável será vinculada ao dólar, tornando-o mais confiável do que outros ativos digitais. Como já veiculamos aqui.

O WhatsApp deve passar a ter sua própria cryptomoeda, com previsão de lançamento para o primeiro semestre de 2019. Isso é o que aponta uma reportagem do New York Times, que cita fontes próximos ao projeto. O objetivo é tornar mais fácil o envio e recebimento de dinheiro entre amigos e familiares pelo mensageiro.

Algo que já é realidade na China com o uso massivo do Wechat. Até para se receber esmola é preciso ter uma carteira virtual, como é o caso do Wechat por lá. A omnipresença do app de mensagens e sua adoção, acelerou o descarte de dinheiro vivo entre a população, inclusive a mais pobre. Leia mais sobre a eliminação do dinheiro vivo aqui.

Siga-nos no Telegram   no Instagram  no Twitter


%d blogueiros gostam disto:

Nossa Newsletter

Inscreva-se para a nossa newsletter!

[mc4wp_form id="1627"]