Long Hash acusa a Tether por manipulação de preços do Bitcoin na alta de 2017

A empresa de análise de criptomoedas, a LongHash divulgou um relatório que alega que o preço do Bitcoin estava sendo manipulado pela stablecoin USDT da Tether, contestando um artigo acadêmico que afirma que uma única entidade (baleia) ajudou o BTC a alcançar os US$ 20.000 em 2017. Conforme publicado na Finance Magnates.

O relatório da LongHash mostra que se criou uma métrica chamada “Tether Purchasing Power” para calcular os efeitos que a stablecoin poderia ter no preço do Bitcoin. O estudo mostrou que o poder de compra da Tether em 2017 era mais alto durante os meses de verão, mas caiu no final do ano com o aumento do preço do BTC.


Em 2018, quando o boom acabou, o poder de compra aumentou. A LongHash, como tal, concluiu que “mesmo que o Tether estivesse realmente manipulando o mercado, sua capacidade de fazê-lo é realmente mais forte quando o preço do Bitcoin cai”.

Depois de apontar para outras possíveis falhas no artigo acadêmico, os pesquisadores da LongHash escreveram:

“Encontramos as evidências atuais de que o Tether está manipulando os preços do Bitcoin”.

(Imagem: Long Hash)

Uma ação coletiva foi aberta no Tribunal Distrital dos EUA para o Distrito Sul de Nova York contra a Bitfinex e a Tether, e sua controladora, a iFinex. Os autores alegam que o total de danos equivale a mais de US$ 1.4 trilhão. Conforme publicado na Coindesk.

A ação coletiva afirma que o iFinex e vários indivíduos relacionados usaram a Tether (USDT) para “defraudar investidores, manipular mercados e ocultar receitas ilícitas”. Em outro trecho da ação afirma-se:

“Fraude parcial, manipulação e despejo; lavagem parcial de dinheiro, o esquema foi realizado principalmente por meio de duas empresas – Bitfinex e Tether – que misturavam suas identidades corporativas e fundos de clientes, ocultando sua ampla cooperação de uma maneira que permitia manipular o mercado de criptomoedas com eficácia sem precedentes”. Leia mais aqui.

%d blogueiros gostam disto:

Nossa Newsletter

Inscreva-se para a nossa newsletter!

[mc4wp_form id="1627"]