O fornecimento do Tether afeta o preço do Bitcoin? Há controvérsias

Uma nova análise capitaneada pela Santiment, expõe uma correlação inversa entre o preço do Bitcoin e a oferta total de Tether (USDT) nas exchanges de criptomoedas. Segundo a Santiment, a quantidade declinante de Tether em negociação poderá em breve impulsionar outro aumento no preço do BTC.

A partir de fevereiro, quando o BTC estava sendo negociado a cerca de US$ 9.500, a quantidade de USDT em circulação era relativamente baixa.

Nas semanas seguintes, no entanto, a oferta de USDT cresceu substancialmente e atingiu uma alta de três meses em meados de março. Isso coincidiu com as violentas quedas de preços na Quinta-Feira Negra, quando o Bitcoin perdeu cerca de 50% do seu valor em questão de horas.

O Tether está se recuperando desde meados de março, e a oferta de USDT nas exchanges era continuamente alta. No entanto, o Bitcoin passou por uma onda nos últimos dias e atualmente está pairando em torno da marca dos US$ 9.000 após vários dias de flutuações. Ao mesmo tempo, o fornecimento da Tether nas exchanges tem diminuído.

Assim, a Santiment concluiu que o gráfico acima “indica claramente que existe uma correlação inversa entre o preço do Bitcoin e a oferta do USDT. 

Além do ponto de vista da Santiment, a stablecoin mais popular já foi vinculada várias vezes antes ao aumento artificial do preço do BTC.

Um estudo publicado em 2018 e atualizado em 2019 afirmou que o aumento dos preços parabólicos de 2017/2018 foi causado “provavelmente por manipulação de mercado”. Mais especificamente, apontou que as principais compras do USDT foram sincronizadas com as quedas no mercado para estabilizar seu fundo.

A Tether Inc (empresa que controla a emissão da stablecoin) refutou rapidamente todas as alegações, dizendo que sua stablecoin nunca esteve envolvida em nenhuma manipulação de preços. Pesquisas mais recentes sobre o assunto também ficaram do lado da Tether Inc, mas em um aspecto diferente. Em um estudo realizado pelos pesquisadores John Griffin e Amin Shams, observou que “nenhuma evidência sistemática” existe para apoiar a afirmação de que a emissão do Tether está afetando os preços das criptomoedas.

Ainda não está claro se o USDT é responsável por alguns desenvolvimentos de preços do Bitcoin, apesar de inúmeras alegações em qualquer direção. No entanto, com o declínio da oferta de Tether nas bolsas e o crescente interesse no BTC uma semana antes da próximo halving, uma volatilidade mais intensa poderá ser observada em breve.

%d blogueiros gostam disto:

Nossa Newsletter

Inscreva-se para a nossa newsletter!

[mc4wp_form id="1627"]